5 passos para sair do armário.

Ainda tem muita gente assim, dentro do armário. Com medo de tudo e todos. Sofrendo dia após dia com crises de consciência pesada, se achando a pior pessoa do mundo. 

Pare agora e pense, você não é a pior pessoa do mundo. Você é normal, perfeita, seu coração foi feito pra amar e ser livre. 

Talvez você esteja sobre cobranças constantes de outras pessoas ou familiares, mas entenda que eles são quem são, e você é você.

Em primeiro lugar você deve se aceitar, reconhecer o seu verdadeiro eu, tirar esse peso das suas costas. Quando eu decidi sair do armário, eu literalmente joguei a chave fora e nunca mais senti o peso que me atormentava. 

Seja forte, respire fundo e se reconheça como pessoa normal. Só você é responsável por sua felicidade ou tristeza, encare a vida, você é especial. Aí dentro de você tem uma linda mulher pronta a amar outra mulher e viver a plenitude de ser você mesma, sem máscaras, sem enganos, sem mentiras e pesos. 

Assuma sua orientação sexual ou identidade de gênero.

Vamos ver 5 passos para te ajudar nessa caminhada:

1 Autoaceitação:

Como eu falei acima, se aceitar é primeiro passo, se reconhecer, dizer pra você mesma e assim poder dizer à outras pessoas. Você verá como é libertador você poder falar: "Eu sou lésbica".

Muitas perguntas devem pairar em sua cabeça, normal pensar que pode ser uma fase, etc. Mas te digo, não é uma fase. Esteja consciente da pessoa linda que você é.

2 Escolher pra quem contar primeiro:

A escolha da primeira pessoa pra quem contar é muito importante, sabendo escolher essa pessoa poderá te ajudar nesse processo. Melhores amigas, tias, uma pessoa de confiança, que te ajude com o restante da família.

3 Dificuldades de falar:

Escreva caso tenha dificuldades de comunicação, escreva uma carta, um email, ou no whatsapp para a pessoa escolhida, tente ser o mais sincera possível.

4 Faça amizades com lésbicas:

Isso foi muito importante pra mim, conhecer muitas pessoas que passavam pelo mesmo que eu passava, poder ver as mais diferentes histórias de vida, e notar que não estava só. Por isso faça amizades, converse com pessoas como você, e você irá perceber que é mais normal do que imagina.

5 Entenda seu tempo:

Seja racional, também não saia colocando os burros na frente das carroças, saiba conversar, dialogar com seus familiares, e ai sim se assuma por inteiro. 

Bom são pequenas dicas que eu espero que te ajudem nessa caminhada. Quero ver você feliz! 

Drica Colorida


Continue...

15 dicas para relacionamento duradouro.

Todo mundo quer ter um relacionamento duradouro e bem-sucedido não é? Um relacionamento vai muito além de atração física ou interesses. É preciso fazer escolhas, é preciso fazer renúncias, é preciso saber dialogar.

Vamos conhecer 15 dicas para você manter seu relacionamento saudável e feliz:

1- Confiança

Confiar na sua parceira, sim você deve estar disposta a isso, não só com seus sentimentos, mas com suas fraquezas. Confiança é prática e conquistada um passo de cada vez. Mesmo quando a confiança está quebrada, você pode encontrar uma maneira de repará-la, se estiver disposta a trabalhar isso.

2- Aceitação

Qualquer parceira terá qualidades, características e comportamentos dos quais você discorda. Para fazer o seu relacionamento durar, você deve aceitar sua parceira incondicionalmente – peculiaridades, comportamento, falhas e tudo. Primeiro, você compromete-se a aceitá-la completamente. Então, é honesta sobre o que o está incomodando.

3- Respeito

Quando, realmente, temos nossa parceira para nós, muitas vezes, simplesmente, nós  nos esquecemos dos seus sentimentos e necessidades. Em relacionamentos duradouros, ambas as parceiras se valorizam e cuidam de suas palavras, ações e comportamentos. Se você quer estar com essa pessoa todos os dias, faça com que ela saiba que você a respeita.

4- Vulnerabilidade

Se você não está disposta a compartilhar o que está acontecendo com você ou o que você precisa de sua parceira, não vai conseguir o que precisa. No entanto, nós, mulheres, também – por vergonha ou um hábito construído ao longo de uma vida de engarrafamento de nossos sentimentos – não queremos deixar ninguém saber o que está acontecendo conosco. Se você pode confiar em sua parceira o suficiente para compartilhar seus sentimentos, é mais provável que se encontre em uma relação segura e duradoura.

5- Honestidade

Você deve estar disposta a compartilhar o que está acontecendo, não importa o quão feio. Não pode se esconder atrás de mentiras e decepções, se quiser que seu relacionamento dure. Se você não pode acreditar na sua parceira quando ela lhe diz algo, ou se sua parceira está escondendo coisas de você, será difícil para você se sentir segura. A honestidade ajuda a promover a confiança e a crença na outra, o que é crucial para o longo prazo.

6- Empatia

Empatia significa tentar entender o que sua parceira está sentindo. Não se trata de tentar resolver as preocupações e os problemas da sua parceira, necessariamente, mas sobre poder estar lá para ela. Se você prestar mais atenção ao que está acontecendo com a sua parceira e esforçar para ver as coisas através de seus olhos, vai se aproximar dela, ao longo do tempo, em vez de se afastar.

7- Bondade

Faça todas para o sua parceira, as mesmas coisas que faria para a sua melhor amiga. Tente antecipar suas necessidades. Pense sobre o que ela precisa e tente estar lá para ela. Encontre maneiras de elevar a sua parceira. Pensamento, consideração e bondade é a receita para relacionamentos duradouros.

8- Compromisso

Você deve estar comprometida com sua parceira, sim. Mas, mais do que o comprometida com ela, você deve estar comprometida com o relacionamento. Se você pensa sobre a saúde e o futuro da relação, é provável que tome mais ações construtivas e se comporte de maneira diferente. Não se trata apenas de ter suas necessidades atendidas. Trata-se de reacender o fogo para que seu relacionamento possa durar.

9- Reflexão

Reflexão é manter sua parceira em mente e se esforçar para fazer coisas que melhorarão suas vidas. É conhecer suas preferências, opiniões e peculiaridades para que você possa dançar com ela, e não lutar contra ela. Quanto melhor você conhece sua parceira, mais pode praticar a consideração. O que você pode fazer hoje para ajudá-la ou melhorar sua vida? O que você pode fazer hoje para tornar o dia da sua parceira melhor?

10- Perdão

Você ficará ofendida e ferida muitas vezes ao longo de um relacionamento. A chave é perdoar rapidamente, liberar os rancores e começar de novo a cada dia. Sim, é mais fácil dizer do que fazer, mas o perdão é crucial para a saúde da relação a longo prazo. Você deve deixar as transgressões e também estar disposta a pedir perdão. O perdão requer coragem, vulnerabilidade e prática.

11- Gentileza

A gentileza vem em pensamentos, palavras, ações e seu estado geral de ser. É entender e aceitar sua parceira, completamente, e tratá-la delicadamente. É não gritar, não ser verbal ou emocionalmente abusiva, não desrespeitar.

Gentileza é tratar sua parceira de uma maneira respeitosa, gentil e compassiva. É reconhecer sua conexão emotiva e apreciar sua humanidade inerente.

12- Afeto

Depois de algum tempo nos relacionamentos, muitas vezes, nós  nos esquecemos de mostrar amor e carinho a nossas parceiras. O afeto pode ser tão simples como tocar, segurar ou beijar sua parceira sem nenhum motivo. É um abraço caloroso, um toque leve, uma palavra amorosa ou qualquer outra pequena maneira de mostrar que você a ama.

Para ser mais afetuosa, você tem que saber como sua parceira recebe o amor de forma melhor e faz mais disso. É através de uma palavra amorosa, um gesto pensativo, ajuda com a casa ou recebendo algo especial? Quanto melhor você sabe o que sua parceira gosta, mais afetuosa pode ser.

13- Apreciação

Todos nós desvalorizamos nossas parceiras algumas vezes. Se você puder lembrar-se, regularmente, do quão sortuda é, e de quão valorosa é a sua parceira, e dizer-lhe, aumentará a felicidade e a longevidade do seu relacionamento. As parceiras que permanecem juntas apreciam-se e se  complementam-se. Reconheça o que a sua parceira está fazendo e deixe-a saber que você está grata por isso.

14- Validação

Na maioria das vezes, as pessoas realmente não nos entendem. Todos têm opiniões diferentes. Validar a sua parceira mostra que você está do seu lado. Quando você entende e aceita o que ela diz, ela se sente plenamente vista, ouvida e aceita. Quando você valida, você aceita. E quando você aceita, você mostra o amor incondicional, que é, em última análise, o que mantém as pessoas e os relacionamentos unidos a longo prazo.

15- Amor

Para que todas as dicas acima sejam eficazes, certifique-se que haja entre vocês o essencial: O Amor.

Aproveite essas dicas e seja feliz com seu amor!




FONTE: Adaptação do 
Texto contido no site O segredo, do qual foi uma tradução do site MindBodyGreen 







Continue...

21 sinais que ela não está mais interessada...

21 sinais que ela não está mais interessada...

Existir um entendimento mútuo é fundamental para que tudo funcione.

Se essa mutualidade fundamental não existir, o relacionamento, provavelmente, irá deteriorar-se até um ponto irremediável.

Talvez o cenário mais difícil seja quando uma pessoa no relacionamento é incapaz de fazer as coisas funcionarem apesar de todos os seus melhores esforços. Compreensivelmente, essa pessoa geralmente pensa, “Ah, isso é apenas temporário” ou “Ela vai mudar”. Este não é sempre o caso.

Abaixo estão 21 sinais que podem indicar que sua parceira não está mais interessada:

Eles não estão em nenhuma ordem particular.

1. Ela está sempre “ocupada demais”

Duas pessoas em um relacionamento saudável sempre fazem tempo uma para a outra, quase sem exceção. Isso é evidente durante as conversas, se sua parceira não está mais interessada, rapidamente irá disparar alguma desculpa aleatória sobre ter que fazer “algo importante”.

2. Só ficam perto quando querem algo

Muitos seres humanos são, inerentemente, criaturas egoístas, mas uma parceira desinteressada torna-se um pouco mais egoísta do que a maioria. Ela não tem nenhum problema em ignorá-la 90 por cento do tempo, mas os 10 por cento restantes são para quando ela “realmente precisa” de algo.

3. Ela não é muito comunicativa

A comunicação inexistente ou altamente esporádica é um claro sinal de desinteresse. Afinal, quem não quer comunicar com uma pessoa com a qual se preocupa?

4. Sempre fala sobre si mesmo

Quando há comunicação, o tema de discussão sempre parece focar nela mesmo.

5. Pouco interesse na sua vida

“Como foi seu dia?” É uma frase que não é incorporada pela desinteressada. Em vez disso, ela encerra ou redireciona a conversa para sua própria vida.

6. É muito controladora

Veja, ela não está realmente interessada ​​em você, está interessada ​​em controlá-la. É um comportamento abusivo, que deve indicar que a vítima deve se afastar.

7. Não assume sua responsabilidade

Culpar, continuamente, outra pessoa, sem mérito, é na maioria das vezes um ato intencional para afastar alguém. É covarde e abusivo.

8. É, frequentemente, desrespeitosa

Alguém que não está mais interessada pode ficar completamente desagradável em seus maneirismos e outros comportamentos. Mais uma vez, é uma falha de caráter de sua parceira, não sua.

9. Ela parece mudar você, para pior

Não é incomum que alguém em um relacionamento com uma pessoa desinteressada,  sinta-se mudada. Como resultado, você pode perceber que sorri menos, é mais letárgica, e assim por diante.

10. Ela diminui o seu valor

Isto é, verdadeiramente, preocupante. Uma pessoa sem decência básica e, categoricamente, desinteressada, não terá problemas em desvalorizar outra pessoa, até mesmo pessoas com as quais costumava “se preocupar”.

11. Não inclui você em seus planos

Vocês costumavam sair com os amigos uma da outra? Não mais. Ela recebeu uma promoção e não disse? Não deve ser uma surpresa … ela já não está interessada.

12. Dá desculpas sem sentido

Uma pessoa interessada não cria desculpas sem sentido.

13. É bem menos preocupada com seu bem-estar

Quando realmente nos interessamos por outra pessoa, preocupamo-nos com seu bem-estar. Até mesmo uma estranha pode simpatizar ou empatizar com outra pessoa. Isso é desrespeito ao mais alto grau.

14. Ignora seu círculo interno

Isso nem sempre acontece, mas ignorar / desrespeitar / evitar o seu círculo interno é um ato intencional. É eficaz em provocar raiva.

15. Elaborar impulsos vazios

Episódios de desculpas vazias parecem entrar em um loop quando alguém começa a se sentir desinteressada. É simples: a pessoa não acha necessário que suas palavras tenha significado.

16. Ela parecer “esquecer” mais

Especialmente de coisas que costumava lembrar. Quando isso acontece, é quase certo um sinal de desinteresse. Quando não estamos comprometidos, tendemos a “esquecer” mais frequentemente do que ouvir.

17. Vocês não têm mais verdadeira intimidade

Quando os encontros íntimos casuais são frequentes, mas a verdadeira intimidade não é, fala muito sobre suas verdadeiras intenções.

18. Não mostra interesse em se comprometer

Quando a outra pessoa evita qualquer coisa em relação ao compromisso, geralmente não é um sinal muito bom.

19. Trata outras pessoas melhor do que trata você

A senhora da mercearia parece receber um melhor tratamento do que você. Quando ela é cordial para, aparentemente, todos os outros, exceto você, é um sinal definitivo de que as coisas estão se desintegrando rapidamente.

20. Traição

Trair é, na melhor das hipóteses, um sinal de complacência e, na pior das hipóteses, um sinal de desinteresse completo. De qualquer forma, não deve ser tolerado.

21. Você sempre parece estar exagerando

Este é o resultado dos comportamentos listados aqui. Os sentimentos machucam, as pessoas ficam chateadas e lágrimas são derramadas. Se isso acontecer em uma base frequente, é hora de seguir em frente.

FONTE: Texto adaptado do texto de Luiza Fletcher do site "O Segredo".

Continue...