domingo, 11 de julho de 2010

Ela não! (Contos) Parte 2


Começou a entrar em comunidades lés, ver o que escreviam em fóruns, quando deu por si, já estava adicionando pessoas. Ela queria saber mais sobre aquelas mulheres, se alguém passava por aquilo que ela passava, se havia cura para o que sentia.
Foi ai que ela começou notar como era o mundo colorido, começou ver que havia muitas mulheres como ela, que eram pessoas normais, das mais variadas classes sociais, dos mais diferentes estilos. Ouvindo as histórias das pessoas, nascia ali também grandes amizades. 
A autoaceitação começou a brotar, ela começou reconhecer que não adiantava lutar contra sua essência, contra o que ela era. Tomou a maior de todas as decisões de sua vida, iria se separar do marido. Lembrava das noites que chorava após ter relações, lembrava das lágrimas que derramara por repudiar o amor que sentia por sua amiga. 
Bruna chamou Henrique pra conversar, já não conseguia mais se entregar a ele. Ele queria uma boa razão para aquela atitude dela , de pedir divórcio.Ela disse pra ele , apenas não quero mais. Não o amo mais como homem, não o desejo mais. Prefiro não te fazer infeliz.
Henrique desmoronou, aquele homem, chorou. Mas ela foi sincera com ele não podia mais viver uma mentira. Mas não foi fácil, ele não aceitava.
Certo dia Bruna conheceu uma mulher na net, Fernanda, de 21 anos. Na visão de Bruna, nova demais, com gostos totalmente opostos, tanto que ela quase não falava com ela.
Mas Fernanda puxava assunto, contava das trapalhadas que fazia, Bruna aconselhava Fernanda. Mas Fernanda queria mais de Bruna, ela estava apaixonada por Bruna.
Bruna fugia, fugia das palavras, fugia do que também começava a sentir. Dizia pra si mesma: "Ela Não"...

Continua...................

Artigos Relacionados

0 comentários:

Postar um comentário