quarta-feira, 19 de maio de 2010

Contos - E Foi Assim (10)

Fomos pra fazenda. Chegando lá, os tios vieram até nós, me abraçaram e pediram desculpas por tudo. Nos trataram muito bem! Foi ai que descobri, João também havia assumido pra eles que era gay. Maurício foi embora da fazenda, foi trabalhar em São Paulo. Mas João, nunca abandonaria os pais! Isso fez com que eles entendessem, o quanto somos pessoas normais como quaisquer outras.
Lucas amou o passeio, fomos também ao sítio, nos divertimos bastante, uma família realmente feliz. Lurdes já estava casada e grávida, como ficou feliz ao nos reencontrar.
Deixamos Lucas com Lurdes, pegamos o cavalo, e fomos ao meu lugar favorito, na beira do rio, que saudades! Chegando lá, sentamos, olhamos aquelas águas, tão limpas correndo, ouvimos o canto dos pássaros e lembramos que ali começara nosso amor. E fizemos amor, intensamente, como se fosse a primeira vez e até melhor pq nosso desejo não diminuia, só aumentava!
Voltamos, passamos nossas férias, e foram maravilhosas! Voltamos pra casa, e vivemos tão felizes, e hoje estamos aqui, relembrando nossa história, nosso amor, nossas lutas, e vendo nosso filho se casar. Ele está lindo! E nós sozinhas de novo! Mas o amor, o mesmo. Isso prova, que o amor, rompe limites, rompe barreiras, rompe tempo, vence tudo. Mesmo em um mundo onde se banaliza o amor, a fidelidade, o respeito, é possível sim contruir sonhos da forma que somos!

FIM



Artigos Relacionados

0 comentários:

Postar um comentário